Camara Albufeira contra ostreicultura

Sep 1, 2016


ostreiculturaComo o jornal Português Público informou bumbum investidores privados rejeição unânime do município de Albufeira, para operar uma aquicultura para o cultivo de ostras e mexilhões da costa. Para este efeito, uma área de 2 hectares no Atlântico ser usado a uma distância de 7,3 km do porto de pesca da cidade.
Como Presidente da Câmara de Albufeira, Carlos Silva de Sousa explicou, é afetado na aquicultura planejada não só à entrada do porto de pesca e da marina de Albufeira, mas também os meios de subsistência dos pescadores e os agora numerosas empresas com barcos.
A resolução correspondente foi a muitos dos envolvidos no processo de autorização, ou seja, o capitão do porto de Portimão, o governo eo Fed regional de Vindo Missão CCDR.
No entanto, como o governo local da cidade de Albufeira (Camara Municipal) é apenas uma das autoridades decisivos, continua a ser visto se esta oposição do sucesso é coroado, ou se, como nas portagens muito discutido, ou a exploração de petróleo e gás ao largo da costa do Algarve uma vez em curso e para trás vai continuar por anos .... vamos ver ...